Descubra o que acontece com o SEO do seu blog se você parar de postar!

Uma frequência de postagem é fundamental para um blog, veja as consequências em SEO quando você para de postar. É impensável não ter o seu negócio encontrado online atualmente. 70% das empresas brasileiras já adotam o marketing de conteúdo para aumentar sua visibilidade online e vêm mostrando resultados incríveis com seus blogs, segundo a Content Trends.
Contudo, algumas delas ainda não possuem uma estratégia alinhada e acabam deixando grandes intervalos entre suas publicações. Você provavelmente já deve saber da importância de uma frequência de postagem constante e bem planejada. Sim, ela é essencial, mas você sabe exatamente o que acontece com o SEO do seu blog se deixa isso de lado e para de postar?
Realmente, pode ser difícil fazer atualizações constantes no blog. Seria bem mais fácil deixar os conteúdos antigos trazendo tráfego e publicar só de vez em quando, não é mesmo? Já podemos adiantar que fazer isso está longe de ser uma boa ideia e não vai acrescentar nada de bom para o seu posicionamento nos mecanismos de busca e tráfego.
E não se trata somente de rankings. É preciso transmitir compromisso com o leitor para conseguir torná-lo em um cliente. Ficou curioso para saber o acontece se você parar de postar? Então, continue a leitura e descubra por que não fazer isso!

Você precisa de um blog, e ele precisa ser bom

Com a Internet, a relação entre as marcas e os consumidores mudou. Os usuários possuem liberdade para escolherem aquilo que querem consumir. Marketing invasivo não é mais legal e seus resultados diminuem a cada dia.

Logo, é preciso criar conteúdos atrativos que levem visitantes até você e sejam interessantes para convertê-los em clientes. Os blogs se mostram como o espaço ideal para isso, com a publicação de textos e uma estrutura ideal para otimização de conversão.

O Inbound Marketing já vem mostrando resultados mais rentáveis e, ao contrário do que alguns dizem, ele não morreu. Definitivamente, ele está vivo e mais empresas vêm investindo nele a cada ano.

Na mesma proporção em que ele é adotado, a concorrência na web aumenta. Mais empresas constroem seus espaços virtuais, logo a batalha nos mecanismos de busca fica ainda mais acirrada. Portanto, é preciso ir com tudo para se destacar nesse meio.

Conteúdo de qualidade é a chave para atrair mais visitantes e dominar os primeiros lugares. Porém, as pessoas estão cada vez mais ansiosas por novidades. Ninguém quer entrar em um site antigo, que pode soar ultrapassado. Quase sempre é preferível conferir algo que ainda esteja atual, certo?

Esse mindset não fica apenas na imaginação, ele conta como um dos fatores de rankeamento. Considerando que o Google está cada vez mais empenhado em compreender os desejos de seus usuários, as atualizações dos conteúdos, o domínio e as páginas também entram em seus algoritmos.

Os crawlers interpretam que conteúdos extensos e com atualizações recentes são os melhores. Além disso, quanto maior o fluxo de publicação em seu blog, maior será o número de visitas dos robôs que seu domínio vai receber. Essa é uma chance a mais para aumentar sua relevância na web.

Assim, novos conteúdos e atualizações dos que já existem, interferem em seu SEO e devem ser adotados para conquistar melhores posições nos mecanismos de busca.

Só lembre-se que o que os algoritmos do Google estão realmente focados mais na semântica e na qualidade deles, o que realmente conta para o usuário. Portanto, nada de produzir conteúdos fracos só para aumentar em volume ou adotar práticas black hat. Isso não trará resultados positivos.

O importante é encontrar o seu ritmo e produzir bons materiais dentro dele. Só assim, você consegue atrair novos visitantes, fazer com que eles se tornem recorrentes e, eventualmente, virem seus clientes.

O que realmente acontece se você parar de postar

Em 2016, Robert Ryan, um dos mestres do marketing digital, conduziu um experimento que esclareceu essa questão. Ele passou 251 dias sem publicar nada novo em seu blog, ou seja, 8 meses e 7 dias sem nenhum conteúdo fresco.

Eis o que ele encontrou:

  • O tráfego orgânico reduziu em 32% em comparação com o período anterior.
  • O tráfego orgânico caiu 42% no total.
  • O tráfego da página de contato declinou 15%.
  • As conversões do site diminuíram 28%.
  • A palavra-chave principal deles caiu da primeira posição para o sexto lugar no Google.

Só de bater o olho nesses dados, já dá para perceber que não dá para ficar sem publicar. Mas vamos nos aprofundar um pouco mais e entender direito o motivo desses resultados.

Efeito cascata

A maior parte do tráfego que os blogs recebem vem de pesquisas orgânicas, nas quais o usuário se interessa pela informação que procura. Para ajudar o usuário, o Google estabelece seus algoritmos para criar um ranking do que pode ser melhor para atendê-lo.

Naturalmente, conteúdos antigos e sem updates são vistos com mal olhos, uma vez que são bem maiores as chances de ele estar ultrapassado. Assim, nas primeiras posições vão se encontrar artigos mais recentes ou atualizados nos últimos 2 anos, ainda mais se a busca for por uma palavra-chave altamente competitiva.

Ao deixar o seu blog parado, o Google interpreta ele como desatualizado e penaliza não somente seus artigos antigos, mas o seu domínio. Dessa forma, todas as suas páginas caem algumas posições nas SERPs.

Segundo a Search Engine Watch, o conteúdo que está em primeiro lugar costuma receber 33% dos cliques, o segundo já recebe cerca de 18% e o terceiro recebe, em média, 11%. A partir de então, o tráfego decai de forma assustadora.

No experimento de Robert Ryan, ele foi do número um para o sexto lugar. Considerando a porcentagem de cliques que cada posição recebe, ele parou de atrair 33% das pessoas que buscavam pela palavra-chave e passou a trazer somente 4%.

Agora, vamos supor que essa palavra-chave possui 100 mil buscas mensais. Imagine só passar de 33 mil visitas com só um conteúdo para somente 4 mil? Imagine então esse efeito em todo o seu blog. Dá até arrepios só de pensar nisso.

Menos visitantes, significa menos pessoas vendo seus conteúdos, gostando deles e, claro, convertendo em leads para se tornarem clientes. Com esse tanto a menos de visitas e conversões, você poderia arruinar seu processo de Inbound Sales e, consequentemente, o seu negócio.

Resumindo, parar de postar, faz seu domínio perder autoridade, suas posições caem no Google e passam a trazer muito menos visitantes que se convertem cada vez menos em leads.

Além disso, o tráfego orgânico caiu em 42%. Esse volume é relativo a uma penalização do Google. Uma estratégia de Inbound Marketing leva tempo até escalar, então é um desperdício com seus investimentos perder tráfego e leads somente por falta de publicações e atualização de conteúdos.

Portanto, publique e continue atualizando, principalmente os conteúdos que trazem melhores resultados e com palavras-chave mais concorridas.

Credibilidade gera conversões

Cerca de 90% dos consumidores fazem pesquisas, buscam comparações e procuram referências online antes de realizar uma compra. Ou seja, estar fora do meio digital não é mais uma opção, independentemente do seu mercado.

Segundo a lógica do Inbound Marketing, isso faz ainda mais sentido, já que o consumidor é que chega até você. É no seu blog onde as pessoas vão procurar se informar e, se você fizer um bom trabalho, vão ser convertidas em leads, passar pelo processo de nutrição e se tornar clientes.

Agora, considere qual seria a impressão que você teria se entrasse em um blog com a intenção de procurar por algo que precise e, mesmo que tivesse um conteúdo fantástico, estivesse completamente desatualizado.

Tenho quase certeza que você não sentiria confiança para assinar a newsletter deles ou então falar com um consultor. Você poderia até mesmo pensar que eles não estão caminhando bem, já que não se mostram mais ativos no espaço virtual deles.

Acredite, isso pode acontecer. Todo canal em que sua empresa se mostra presente passa uma impressão para o visitante. Está em suas mãos fazer com que ela seja positiva. O blog é um cartão de visitas, então é necessário mostrar que você se preocupa com o usuário e mostrar que o seu negócio é confiável.

Segundo uma pesquisa de Jeff Bullas, outro mestre do marketing, quase 70% dos consumidores acreditam que um blog traz mais mais credibilidade a um website. Entre os fatores que trazem credibilidade:

  • 30% vem de conteúdo de qualidade
  • 17% vem de um bom design
  • 15% vem da regularidade na publicação de um blog
  • 13% vem de uma boa presença nas redes sociais

As empresas com conteúdo dão a entender que elas querem uma boa relação com seus consumidores. Afinal, se elas se preocupam em elaborar materiais para ajudá-los, porque não iriam ser igualmente colaborativas com seus clientes, não é mesmo?

Ou seja, podemos concluir que um blog é um canal incrível para você ganhar a confiança do seu visitante. Invista em conteúdos realmente relevantes, um bom design, SEO on page e esteja nas redes sociais também.

Contudo, lembre-se: blogging vai além de demonstrar expertise. Trata-se de construir relacionamentos e transmitir confiança e credibilidade.

Naturalmente, se você construir um espaço virtual consistente, ele vai atrair mais visitantes e ganhar mais conversões, que vão aumentar a rentabilidade do seu negócio.

Mesmo que você já tenha um repertório enorme de conteúdos, não se acomode com o tráfego de posts antigos. Atualize seu blog constantemente e prepare conteúdos frescos que não vão mostrar somente para o Google que você se preocupa, mas mostrar para o visitante que o seu blog vale a pena acompanhar.

É bem provável que você não cogite ser tão extremo quando o Robert Ryan e fique 8 meses sem publicar novidades, porém imprevistos acontecem. Esteja sempre preparado e tenha conteúdos reserva.

Mesmo que seja só um mês sem publicar, isso faz a diferença e pode ser o fator que vai te diferenciar dos seus concorrentes. E claro, você quer sair na frente, não é mesmo? Portanto, continue com seu blog super ativo.

Postado em SEO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *